Un giorno, tutto finisce...

As asas de Ícaro se espedaçam enquanto tu te escondes embaixo do manto de uma fé deletéria, cheia de pecados. Vida parca, desejo vazio apodrecendo na sarjeta infecta por mentiras de amor e sonhos infantis. Eu beijo mais uma vez a tua boca e me despeço. Imaginação ativa que me bate de açoite quando repouso as estrelas do céu sobre o travesseiro recheado com as ervas amargas e daninhas do arrependimento. Noites mal dormidas. Pela minha garganta gritam mil crianças mutiladas enquanto o teu cheiro de orvalho suprime o ar que eu respiro. Não há motivo para criar expectativas, eu sabia disso desde o início. Incompletudes minhas e tuas que agora se vão. O décimo terceiro arcano me indica que essa fase chegou ao fim.


Texto: Luciano

15 comentários:

TAHIS disse...

Lindo conto meu amigo,triste,mas,todas as fazes mudam,um sonho sonhado só,com o tempo, acaba.Parabéns,sempre bom passar por aqui!Bj

Ana Andreolli disse...

LINDO! vc ecsreve muito bem, devia passar mais por aqui!

julia koch disse...

LIndo Lú,adoro como escreves,tão poético.bjo

Renata disse...

Cheguei a sentir o gosto amargo do beijo...

***MissUniversoPróprio*** disse...

A gente sempre sabe. E isso jamais faz diferença.


Obrigada pela visita e desculpa a demora em retribuir. ;*

C. disse...

Dizem que para um começo, sempre tem um fim... sao os ciclos.

Apareça mais então Lu!

#Beijinhos carinhosos

Marcia Barbieri disse...

"Pela minha garganta gritam mil crianças mutiladas enquanto o teu cheiro de orvalho suprime o ar que eu respiro". Lindíssimo!!!!! Foi difícil escolher uma parte só.

beijão e obrigada pela companhia

guru martins disse...

...tem que curtir
a realidade da maneira
que ela se apresenta
sem expectativas muito
longas...

aquele abraço

Rose disse...

Luciano, tuas palavras me emocionam, sempre. Teus contos remetem a desejos, a emoções, a frustrações, à vida, enfim, que nos envolve e nos devora, de um jeito ou de outro. Lindo! Bjão

Vampira Dea disse...

Adoro essa brincadeira que vc faz com as palavras os símbolos e o cotidiano, uma delicia

On The Rocks disse...

tudo, tudo, tudo, um dia tem seu fim. é a vida, man.

abs

Fernand's disse...

expecativas???
impossível não criá-las.

FlaM disse...

é... o difícil é parar de respirar- o cheiro... E se despedir de verdade! E calar as vozes do corpo!
(Lembrou algo que escrevi neste fim de semana.)
Obrigada pela visita!

C. disse...

Lu, por que tu nao usa aquele gadget de seguidores? Assim fica fácil ver quanto posta....

Saudades viu, você some demais :-(

MERGULHANDO NAS PALAVRAS disse...

Lindo! Me seduz a alusão à mitologia e o 13º Arcano fechando ciclos, anunciando outros...morte e ressurreição!